O caso do tênis furado

Ahn, os homens e seus tênis furados. Já brigou com o marido ou namorado por causa de um tênis furado, que ele insistia que estava mais do que perfeito para aquele jantar chique em família? Na verdade, eu já participei de jantares chiques em família de chinelo, essa parte a gente não conta. Mas vou tentar explicar para as mulheres por que a gente gosta tanto daquele tênis furado.

Talvez porque poucos homens são ligados a estilo, o fato do furo existir não significa muita coisa. O que importa geralmente é o fato dele ser confortável. E pela lógica universal da vida, o mais confortável é sempre o mais velho.

Não que a gente não goste de comprar tênis novo. Pelo contrário, até gosta. O problema é a preguiça de ir, escolher, comprar, pagar.  O prazer que homens sentem ao comprarem roupas é inversamente proporcional ao das mulheres.

Existe um outro tipo de preguiça, chamada preguiça mental. Homens geralmente têm um tênis para tudo. Você não precisa pensar “que roupa eu vou usar”, geralmente uma camiseta, uma calça e aquele tênis. Quando você troca esse tênis de fazer tudo, você precisa pensar.

Um último motivo, e talvez o mais importante, pelo qual os homens continuam usando aquele tênis com o dedo quase saindo para fora, é falta de noção. Isso geralmente uma mulher resolve. 😉

Esse é o meu tênis, que eu estava usando até a semana passada. Até Ela não deixar mais eu usá-lo.

<<- Curta o Sofá no Facebook, ou clique aqui para compartilhar o post!

Dicas para aqueles que vão casar (2 de 2)

Calma, esse é o último post com dicas de casamento, já voltamos com coisas para os casados.  É que para juntar mais gente para esse time, resolvemos dar uma forcinha com estes posts. Para ler o primeiro clique aqui.

Essa segunda parte fala um pouco sobre como escolher, negociar e lidar com os fornecedores. Casamos com relativamente pouco dinheiro. Menos do que quase todas as cerimoniais falaram que seria “o mínimo”, mas fizemos uma festa sensacional, administrando as moedas do porquinho.

Não cair na conversa do “isso é o seu sonho”. Fornecedores jogam muito bem esse jogo. Contam histórias da coitada que contratou um fornecedor mais ou menos, ou até aquele outro que era super badalado e estragou a festa. “É o seu sonho, você só se casa uma vez na vida, tem que escolher o melhor”. Ok, mas ninguém quer começar o casamento com uma dívida gigantesca, né?

Mas também não se esqueça que é um casamento, não dá para fechar tudo com o mais barato. Algumas economias acabam não valendo a pena. Na nossa opinião, cerimonial é um item que a princípio pensamos ser dispensável, mas que pode ajudar vocês tanto a organizar a festa quanto a aproveitar muito melhor o momento. É sempre bom contar com a ajuda profissional de quem já organizou vários eventos, e sabe bem de detalhes importantes que você nem imagina.

Comece cedo a procurar os profissionais, e compare, compare, compare. Assim, além de tentar jogar o preço do fornecedor mais barato em cima do mais caro, você vai começar a ter uma noção bem melhor de quanto vale cada serviço.

Negocie com o fornecedor, sempre. Mas lembre-se que o princípio da negociação é chegar a um acordo onde ambos saem ganhando. Abaixar o preço “porque eu quero” é possível, mas muito difícil. No nosso caso, a principal barganha era um pagamento adiantado, mas pode ser várias coisas, como uma data com menos procura (no meio da semana), ou outros. Em alguns fornecedores é praticamente impossível mexer no preço, mas quem sabe você não consegue incluir alguns itens no pacote?

O casamento é primeiro grande projeto de um casal. É aí que a gente aprende a suportar um ao outro, a ouvir, entender, negociar. Organizar todo o nosso casamento foi um projeto de mais de um ano, com muitas idas, vindas, desentendimento, contas, muitas contas, acordos e aceitação. Que no final, fortaleceu muito a nossa união.

Conseguimos, juntos, criar, bancar e aproveitar aquela festa com momentos maravilhosos que vão marcar a nossa vida e a daqueles que são queridos para nós. Isso foi tão especial que nos fez sentir super poderosos, acreditamos que juntos conseguimos fazer qualquer coisa.

Organizar o próprio casamento é um poderoso estágio para o que vem depois. Pense nisso, e um ótimo casamento! Depois volta aqui no Ele, Ela e um Sofá para ver nossas dicas para curtir a vida a dois. Ahn, e convida a gente para a festa, somos viciados em bem-casados!  😉

<<- Curta o Sofá no Facebook, ou clique aqui para compartilhar o post!

Dicas para aqueles que vão casar (1 de 2)

Não o blog não será sobre dicas de pré-casamento. Mas como muita gente pediu dicas para organizar um casamento tão sensacional como o nosso (brincadeirinha), escrevemos este post. Não vamos falar quem foi que pediu, porque vai que os namorados ainda não foram avisados.

Sério, nós achamos super legal casar, recomendamos a todos! Então essas são dicas baseadas só na nossa experiência, tem gente muito melhor que a gente para ajudar com isso.

Seria um post só, mas como ficou muito grande, serão dois. O próximo na semana que vem.

Algumas questões do casal

Descubra o que é mais importante para ele e para ela. Baixem qualquer lista de tudo que deve ter em um casamento, e enumerem. Talvez ela ache o vestido importantíssimo, enquanto ele não abre mão de um bom local. Quando os dois fizeram suas próprias listas, negociem e fechem a lista de prioridades do casal. Os itens mais importantes são onde vocês vão investir mais dinheiro e fechar primeiro.

Parcelem o seu casamento inteiro para vocês mesmos, e paguem os fornecedores à vista. Quando finalmente ela disse sim, abrimos uma poupança, onde depositávamos um tanto assim que o salário caísse. Isso nos permitiu pagar adiantado quase todos os fornecedores, o que nos rendeu quase 20% de desconto ao final no casamento todo.

Leia blogs de casamento. Mas não os levem muito a sério. São ótimas fontes de referência, recursos e listas muito úteis, afinal, a maioria está casando pela primeira vez! Mas não os levem tão a sério assim, não liguem tanto para as regras, a festa tem que ter a cara dos noivos, sempre! Algumas dicas:

  • casandosemgrana.com.br – O nome já é um alívio pra quem está ralando pra pagar tudo. Ótimo pra quem curte um “faça você mesmo”!
  • casarei.net – Muitas referências fotográficas, especialmente de casamentos americanos
  • casaredecorar.com – Referências de casamento e decoração para o lar! Tudo com muita delicadeza!
  •  vestidadenoiva.com.br – Casamentos de verdade, com muito bom gosto.

Comunidades podem ser uma ótima fonte de referências e terapia. Quando estávamos organizando o nosso casamento, ela participava de algumas comunidades no Orkut, onde acabamos encontrando boa parte dos fornecedores.

Entrar numa comunidade de noivas pode ajudar a conhecer mais fornecedores e ver aqueles que já estão queimados. Lá as elas trocam referências, orçamentos e muitos desabafos. Indicamos a comunidade das noivas e casadas de Campinas, que foi onde ela achou várias dicas e conheceu muita gente!
http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=92783679

Podem ficar à vontade para comentar sobre as suas experiências! Só pedimos para não perguntar coisas muito específicas sobre casamentos, sabe como é, não somos especialistas, só casamos uma vez e deu super certo, então decidimos compartilhar nossos truquezinhos.

(Atualização: Leia a segunda parte do post aqui!)

<<- Curta o Sofá no Facebook, ou clique aqui para compartilhar o post!

Aqueles detalhes tontos que a gente não conta pra ninguém

Quando a gente começa a namorar uma pessoa, tentamos ao máximo agradar. Isso significa levar um mimo ou um doce para o outro de vez em quando, fazer gentilezas como abrir a porta e usar o perfume que o outro gosta.

Ok, fazer o que agrada ao outro não é tão difícil. Mas as vezes a gente tenta também esconder alguns detalhes pra parecer mais legal.

E aí corre pra esconder aquela foto feia da oitava série, joga fora os CDs de bandas estranhas que vc gostava e aquela blusa medonha que o ex te deu, não esquecendo de mudar o canal do Silvio Santos quando ele chega.

Ufa! Deu tempo de varrer tudo pra baixo do tapete!!!

Porém, com o tempo a gente acaba descobrindo que o homem dos seus sonhos também tem fotos daquelas do tempo do ensino fundamental, e a gente passa a descobrir que o outro já dançou a macarena, assim como vc. (Nota do marido: Aquela foto não deveria nem existir, mas sempre tem os amigos para postá-la no Facebook.)

 

E talvez, se jogar no sofá e ver o Seu Sílvio no fim de semana seja divertido, vai… Ha-haaa-Hi-Hiiiii!

<<- Curta o Sofá no Facebook, ou clique aqui para compartilhar o post!

Um blog de casal, a quatro mãos

Bem vindos ao Ele, Ela e um Sofá, um blog para casais bem resolvidos como os nossos amigos, muitos recém casados, aprendendo a dor e a delícia da vida a dois!

Você não encontra muita coisa na web com dicas práticas para melhorar esse dia-a-dia, que só quem compartilha o mesmo teto sabe como é! Por aqui você vai encontrar posts ensinando como dividir o guarda-roupa, convivência com as manias, relacionamento, como se divertir juntos (com bobagem e sem bobagem também, oras!), como se safar com receitas práticas de encher os olhos quando a sogra resolve fazer uma visita.

E já no primeiro post aqui vai uma super dica para acalmar a esposa depois de um dia ruim: Leve chocolate, sempre funciona. (Na verdade funciona com o esposo também, claro!)

Este blog começa com dois pares de mãos, mas esperamos muitos convidados escrevendo por aqui também! Mesmo porque nós temos muito mais para aprender do que para ensinar, a graça é ir aprendendo junto!

Quem são Ele e Ela

Somos recém-casados e moramos há pouco mais de um ano juntos na cidade de Campinas.

Oi! Eu sou o Rodrigo, ou @rodrigovk, amo a Lívia, trabalho com mídias sociais, adoro música, filmes, comer, vou ao trabalho todos os dias de bicicleta, praticamente uma excentricidade nos dias de hoje. Além daqui, escrevo no Peixe Fresco, um blog sobre Marketing por um Mundo Melhor.  Provavelmente vou escrever muito mais por aqui, a respectiva vai cuidar da revisão, e de dar bronca quando o texto não estiver bom o bastante. Mais sobre mim aqui.

Eu sou a Lívia, professora, adoro chocolate e filhotinhos de cachorro! Tenho paixão por lápis de cor e sou muito bem casada com o Rodrigo.

E o Sofá?

Oras, o sofá é um símbolo. Já repararam como o sofá é quase sempre o centro de uma casa? É nele que o casal passa horas assistindo filmes, seriados. É nele que sentam as visitas que queremos sempre em casa. É para ele que vai o marido com o rabo entre as pernas após uma briga feia. Por isso o sofá, o blog não é sobre o casal, mas tudo o que faz parte da vida dele!

Para encerrar, um beijo a diversos casais, que conhecemos pessoalmente ou não,  apenas pescamos um pedacinho de suas vidas que pipocam por aí nas redes sociais,  que nos fazem ter cada vez mais certeza que a vida em casal é ótima! Má e Pri, Gabriel e Viviane, Tiago e Isabelle, Milly e Mario, Dani e LP, Renata e João, Claudia e André, Anninha e Marco, Priscila e Júlio, Sam e Gui, Angela e Frede, Liliane e Eduardo,  Diego e Aline, Mateus e Carol, Claudia e Fugita, Julia e Bruno e muitos, muitos outros que esquecemos de citar :p !

Mais uma coisinha: estamos em busca de referências. Se puderem indicar para a gente blogs, sites, vídeos, textos escritos por casais ou sobre a vida a dois, olharemos com carinho!

<<- Curta o Sofá no Facebook, ou clique aqui para compartilhar o post!